NITROGÊNIO RESIDUAL NO MILHO CONSORCIADO COM BRAQUIÁRIA EM SUCESSÃO AO FEIJOEIRO COMUM

TATIANA PAGAN LOEIRO DA CUNHA-CHIAMOLERA, ANTONIO CARLOS DE ALMEIDA CARMEIS FILHO, FÁBIO LUIZ CHECCHIO MINGOTTE, FERNANDO MARCELO CHIAMOLERA, LEANDRO BORGES LEMOS

Resumo


RESUMO - Objetivou-se avaliar o efeito direto e indireto de plantas de milho Bt sobre o desenvolvimento e a repro-dução do predador Podisus nigrispinus (Dallas, 1851) (Hemiptera: Pentatomidae). Os experimentos foram conduzidos na Embrapa Agropecuária Oeste, em Dourados-MS. Para avaliar o efeito direto, o predador P. nigrispinus foi colocado em contato direto com as plantas de milho Bt e não Bt e alimentado com pupas de Tenebrio molitor (L.). Para avaliar o efeito indireto, lagartas de Spodoptera frugiperda (Smith) foram colocadas para se alimentarem previamente em plan-tas de milho Bt e não Bt e depois oferecidas ao predador. Foram avaliados duração e viabilidade dos períodos ninfais, períodos de pré-oviposição, de oviposição, fecundidade e longevidade de adultos (fêmeas e machos). As plantas de milho Bt, quando em contato direto com P. nigrispinus, não influenciaram parâmetros biológicos do predador, em com-paração ao milho convencional. Todavia, foi constatado menor duração para o segundo instar ninfal de P. nigrispinus, quando este predador foi criado em lagartas de S. frugiperda que haviam sido alimentadas previamente em plantas de milho Bt. De maneira geral, não há interferência na biologia e na capacidade de reprodução das plantas de milho Bt sobre o predador.

Palavras-chave: plantas Bt, inimigo natural, sobrevivência, reprodução, Spodoptera frugiperda.

DIRECT AND INDIRECT EFFECTS OF BT CORN ON THE PREDATOR Podisus nigrispinus

ABSTRACT - This paper aimed to evaluate the direct and indirect effects of Bt corn on the development and reproduc-tion of the predator Podisus nigrispinus (Dallas, 1851) (Hemiptera: Pentatomidae). The experiments were carried out of the Embrapa Agropecuária Oeste, in Dourados, Mato Grosso do Sul, Brazil. To evaluate the direct effect of the Bt corn and non-Bt corn, the predator P. nigrispinus was kept in contact with these plants and fed with pupae of Tenebrio molitor (L.). To evaluate the indirect effects of Bt corn and non-Bt corn, larvae of Spodoptera frugiperda (Smith) were fed with these plants and later offered to the predator. Period of nymphal development, nymphal survival, duration of pre-oviposition and oviposition periods, fecundity and longevity of adults (females and males) were evaluated. Bt corn plants, when in direct contact with P. nigrispinus, did not influence biological parameters of the predator, compared to conventional corn. It was observed a lower duration for the second nymphal instar of P. nigrispinus when this predator was created in larvae of S. frugiperda that had previously been fed on Bt corn plants. Overall, there is no interference with biology and reproduction capacity of the Bt corn plants on the predator.

Keywords: Bt plants, natural enemy, survival, reproduction, Spodoptera frugiperda.


Palavras-chave


Zea mays, Urochloa ruziziensis, Phaseolus vulgaris, cultivo consorciado, sistema plantio direto.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18512/1980-6477/rbms.v16n2p328-336