CONTROLE DE PLANTAS DANINHAS EM FUNÇÃO DE DIFERENTES ESPAÇAMENTOS NO MILHO SILAGEM

ARIANA VIEIRA SILVA, LUCAS EDUARDO DE OLIVEIRA APARECIDO, FILIPPE CARNEIRO LOPES, OTAVIO DUARTE GIUNTI

Resumo


RESUMO – O objetivo deste trabalho foi avaliar o controle de plantas daninhas no cultivo do milho silagem em diferentes espaçamentos entre linhas. Ele foi desenvolvido em Muzambinho-MG (Brasil), no ano agrícola de 2010/2011. Empregou-se o delineamento experimental em blocos casualizados e esquema fatorial 3x4, sendo utilizados três espaçamentos entre linhas (0,50 m; 0,75 m; 1,00 m) e quatro métodos de controle das plantas daninhas (testemunha “capina”; herbicida aplicado em pré-emergência das plantas daninhas; herbicida aplicado em pós-emergência das plantas daninhas; e herbicidas aplicados em pré-emergência e pós-emergência das plantas daninhas), com três repetições, totalizando 36 parcelas experimentais. Nas avaliações, além dos parâmetros fitotécnicos, como altura de plantas e espiga, diâmetros de colmo, produtividade, estande final, também foram avaliados paramentos físicos, químicos e biológicos da silagem, como a umidade a 65 °C e 105 °C, fibra bruta, proteína bruta, matéria mineral, extrato etéreo e fibra em detergente ácido e neutro. Houve interação significativa entre os manejos de plantas daninhas e os espaçamentos entre linhas, para as variáveis: estande final, produtividade, umidade a 65 °C, fibra bruta, e fibra em detergente ácido. A mudança no espaçamento entre linhas e na densidade de plantio afeta diretamente o manejo de plantas daninhas no cultivo de milho para silagem.

Palavras-chave: herbicidas, controle químico, Zea mays, biplot.

 

WEED CONTROL IN MAIZE SILAGE IN DIFFERENT SPACINGS

 

ABSTRACT - This study aimed to evaluate the corn silage weed control in different row spacings. The work was developed in Muzambinho, State of Minas Gerais (Brazil), in the agricultural year 2010/2011. The experimental design was carried out with randomized block (RBD) in 3x4 factorial scheme with three row spacings (0.50 m, 0.75 m and 1.00 m) and four methods of weed control (witness “hoeing”; herbicide pre-emergent; herbicide-post emergent; and herbicide pre-emergent and post-emergent), and three replications. Plant height and ear insertion, stem diameter, yield and final stand, silage physical, chemical and biological parameters, such as humidity at 65 °C and 105 °C, raw fiber, raw protein, ash, ether extract and fiber in acid and neutral detergent, were evaluated. The interaction between weed management systems and spacings was significant for stand, yield, humidity at 65 °C, raw fiber, ether extract and acid detergent fiber. The change in line spacing and planting density directly affects weed management in silage corn cultivation. 

Keywords: herbicide, chemical control, Zea mays, biplot.


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18512/1980-6477/rbms.v16n3p556-568