HETEROSE PARA QUALIDADE FISIOLÓGICA DE SEMENTES NA OBTENÇÃO DE HÍBRIDOS DE MILHO

CAMILA SEGALLA PRAZERES, CILEIDE MARIA MEDEIROS COELHO

Resumo


RESUMO – A qualidade fisiológica de sementes de linhagens de milho deve ser considerada no melhoramento gené-tico, favorecendo ao programa a obtenção de híbridos com rápido estabelecimento inicial e germinação uniforme. O objetivo deste trabalho foi determinar a contribuição genética das linhagens para a qualidade fisiológica das sementes na obtenção dos híbridos de milho. Utilizaram-se sementes de oito linhagens e três híbridos: simples; triplo; e triplo modificado produzidos no Norte do Rio Grande do Sul, Coxilha, RS. A qualidade fisiológica foi determinada pelos testes de germinação e vigor (envelhecimento acelerado (EA), condutividade elétrica (CE) e teste de frio (FR)). O agrupamento estabelecido pelo método de Singh separou os genótipos de acordo com a qualidade fisiológica, em que as linhagens 2, 4, 5, 6 e 8 apresentaram qualidade superior às demais. A avaliação do vigor das sementes pelo envelhe-cimento acelerado se evidenciou eficaz na determinação da divergência genética para qualidade fisiológica, com 48,6%, e indicou a maior heterose para os híbridos em relação às linhagens. O híbrido triplo modificado apresentou maior he-terose para a germinação e o teste de frio; já o híbrido triplo se mostrou com maior vigor híbrido pelo envelhecimento acelerado e pela condutividade elétrica. Os resultados obtidos podem ser utilizados como subsídio para a escolha de futuros genitores com a intenção de se obter sementes com alta qualidade fisiológica.

Palavras-chave: Zea mays L., qualidade de semente, linhagens, vigor.

HETEROSIS FOR PHYSIOLOGICAL QUALITY OF SEEDS TO OBTAIN HYBRID MAIZE

ABSTRACT – The physiological quality of seeds of maize lines should be considered in breeding programs since promotes the obtaining of hybrids with fast initial establishment and uniform germination. The objective of the present study was to determine the genetic contribution of the lineages to the physiological quality of seeds to obtain maize hybrids. Seeds used were from eight lines and three hybrids (single, triple and modified triple, produced in northern Rio Grande do Sul, RS-Coxilha). The physiological quality was determined by tests of germination and vigor (accelerated aging - AA), electrical conductivity and cold test (CT). The grouping established by Singh method separated the genotypes according to the physiological quality, where the lines 2, 4, 5, 6 and 8 showed superior qualities compared to the others. The evaluation of seed vigor by the accelerated aging was effective in determining the genetic divergence for physiological quality (48.6%) and indicated higher heterosis for hybrids than lines. The modified triple hybrid showed higher heterosis for germination and cold test and the triple hybrid showed higher hybrid vigor for accelerated aging and electrical conductivity. The results can be useful to help the selection of future parents to obtain seeds with high physiological quality.

Key words: Zea mays L., seed quality, inbred line, vigor.


Palavras-chave


Zea mays, qualidade de sementes, linhagens, vigor.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.18512/1980-6477/rbms.v15n1p124-133