EFEITO DA DEBULHA E DA CLASSIFICAÇÃO SOBRE O TAMANHO E A QUALIDADE DE SEMENTES DE MILHO-PIPOCA

VERÔNICA CARNEIRO, EDUARDO FONTES ARAÚJO, GLAUCO VIEIRA MIRANDA, JOÃO CARLOS CARDOSO GALVÃO, MÚCIO SILVA REIS, ANDRÉIA MÁRCIA SANTOS SOUZA DAVID

Resumo


Trabalhando com sementes de milho-pipoca DFT 2 (ciclo de seleção 1), procurou-se avaliar os efeitos da debulha e da classificação em tamanho na qualidade fisiológica das sementes, durante o armazenamento. As sementes, com umidade inicial de 11% (b.u.), foram submetidas à debulha manual e à debulha mecânica, por meio de debulhador estacionário com rotação do cilindro de aproximadamente 250 rpm. Após a debulha, as sementes foram classificadas de acordo com o formato e tamanho, por meio de peneiras. Foram determinados a percentagem de retenção nas peneiras e o peso de 100 sementes. Os tratamentos para avaliação dos danos mecânicos e da qualidade fisiológica das sementes foram compostos por sementes retidas em peneira de crivo oblongo nº12/64 x 3/4", sementes retidas em peneiras de crivos redondos de nº13, nº14 e nº 15/64” e a testemunha. As sementes foram, então, expurgadas com fosfina e armazenadas em UBS (Unidade de Beneficiamento de Sementes), em Viçosa, MG, durante um período de dez meses. As avaliações da qualidade fisiológica das sementes foram realizadas no início e aos dez meses de armazenamento, bem como a determinação do grau de umidade. O dano mecânico foi determinado pelo teste em tintura de iodo a 4%, no início do armazenamento. Os resultados mostraram que a debulha mecânica teve efeito prejudicial na germinação e no vigor das sementes. As sementes sem classificação foram as mais danificadas mecanicamente, seguidas das sementes redondas, que apresentaram resultado intermediário em relação às achatadas. As sementes de milho-pipoca tiveram seu vigor reduzido, quando armazenadas em condições não-controladas. Os efeitos da debulha mecânica e do armazenamento na germinação e no vigor não dependeram do tamanho das sementes.


Palavras-chave


semente, milho-pipoca, debulha, tamanho, armazenamento.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.18512/1980-6477/rbms.v2n01p%25p