CONSÓRCIO DE FORRAGEIRAS TROPICAIS COM O SORGO GRANÍFERO EM DUAS LOCALIDADES DO ESTADO DE MINAS GERAIS

CARLOS JULIANO BRANT ALBUQUERQUE, RENATO MENDES DE OLIVEIRA, KAREN MARCELLE DE JESUS SILVA, DORISMAR DAVID ALVES, RAMON COSTA ALVARENGA, GABRIEL LABECA FERREIRA NOGUEIRA BORGES

Resumo


 

O trabalho foi desenvolvido com o objetivo de avaliar o consórcio de gramíneas forrageiras com o sorgo granífero em duas localidades do estado de Minas Gerais. Foram instalados dois experimentos nas fazendas experimentais da Epamig localizadas nos municípios de Leme do Prado e Jaíba. O delineamento adotado foi em blocos casualizados, com quatro repetições. O rendimento de grãos, a altura de plantas e a produção de massa de forragem foram influenciados pelo local de cultivo. Maiores produções de massa de forragem seca foram obtidas no consórcio de sorgo com Panicum maximum em ambas as localidades. O sorgo solteiro apresenta maior rendimento de grãos em ambas as localidades. O consórcio do sorgo com a Brachiaria decumbens e do sorgo com Andropogon gayanus apresentam maiores produtividades de grãos para as localidades de Jaíba e Leme do Prado, respectivamente.


Palavras-chave


sorghum bicolor; produtividade de grãos; produtividade de matéria seca.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.18512/1980-6477/rbms.v12n1p1-9