AVALIAÇÃO DE GENÓTIPOS DE SORGO EM PRIMEIRO CORTE E REBROTA PARA PRODUÇÃO DE SILAGEM

POLIANA ROCHA FRAGA BOTELHO, DANIEL ANANIAS DE ASSIS PIRES, ELEUZA CLARETE JUNQUEIRA DE SALES, VICENTE RIBEIRO ROCHA JÚNIOR, DIOGO GONZAGA JAYME, SIDNEI TAVARES DOS REIS

Resumo


Objetivou-se avaliar as características agronômicas do sorgo para produção de silagem em duas condições experimentais (sorgo do ano e rebrota anual). O plantio foi realizado em blocos casualizados no campo, com cinco repetições por genótipo e duas condições experimentais (sorgo semeado no ano e rebrota anual) em um fatorial 4x2. Os valores de NºPl ha-1 foram superiores na rebrota em relação ao sorgo do ano. Em relação às PMV (t ha-1), PMS (t ha-1) e PMSD t ha-1 as maiores produções foram observadas no sorgo do ano. Os valores médios de altura variaram de 1,77 a 2,35 m, sendo que as alturas superiores foram encontradas no sorgo do ano. Em relação às condições experimentais, as maiores porcentagens de folha foram observadas para o sorgo do ano. Quanto ao percentual de panícula a produção foi a mesma nas duas condições experimentais. As maiores porcentagens de colmo foram observadas na rebrota. Os genótipos avaliados tanto na rebrota como no sorgo do ano, têm potencial para a produção de silagem por possuírem características produtivas adequadas. O uso da rebrota pode ser uma alternativa para produção de silagem.



Palavras-chave


produção, rebrota, Sorghum bicolor

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18512/1980-6477/rbms.v9n3p287-297