CARACTERÍSTICAS PRODUTIVAS E QUALITATIVAS DE HÍBRIDOS DE MILHO PARA PRODUÇÃO DE SILAGEM

RENIUS MELLO, JOSÉ LAERTE NÖRNBERG, MARTA GOMES DA ROCHA, DIEGO BITENCOURT DE DAVID

Resumo


A avaliação dos genótipos de milho disponíveis no mercado é de grande interesse tanto para produtores como para pesquisadores da área de produção animal e vegetal. Nesse sentido, objetivou-se avaliar o potencial produtivo e qualitativo de híbridos de milho para a produção de silagem. Os tratamentos foram constituídos por seis híbridos de milho: DKB-215, DKB-344, C-747, AS-32, BR-201 e OC-705. As variáveis analisadas foram: altura de planta (m), produção de matéria verde e seca (PMV e PMS, t/ha), contribuição dos componentes estruturais da planta (colmo, folhas e espigas), matéria seca (MS), pH, nitrogênio amoniacal como percentagem do nitrogênio total (NNH3%/NT), parede celular (FDN, HEM, FDA, CEL, LDA), matéria orgânica (MO), proteína bruta (PB), extrato etéreo (EE), carboidratos totais (CHOT), carboidratos não fibrosos (CNF), fibra em detergente neutro digestível (FDNd), digestibilidade da fibra em detergente neutro (DFDN), cálcio (Ca), fósforo (P) potássio (K), magnésio (Mg), digestibilidade in vitro da matéria seca (DIVMS) e nutrientes digestíveis totais (NDT). O delineamento experimental foi em blocos casualizados, composto por seis tratamentos com quatro repetições. As PMV e PMS diferiram (P< 0,05) entre híbridos, com valores oscilando entre 16,24 a 30,77 e 6,64 a 11,31 t/ha, respectivamente. Os híbridos OC-705 e DKB-344 obtiveram as maiores (P< 0,05) PMS. Os híbridos DKB-215, DKB-344 e C-747 apresentaram maior (P< 0,05) contribuição de espiga na biomassa ensilável. O colmo mostrou resultados de FDN semelhantes ao das folhas, todavia seus valores de LDA foram inferiores ao das folhas. Os teores de MS à ensilagem oscilaram entre 33,46 e 43,89 %, com o processo fermentativo normal, apresentando pH variando de 3,57 a 3,68 e N-NH3%/NT de 3,01 a 3,90%. Os teores de MO, PB, LDA, FDNd e CHOT não apresentaram diferença (P> 0,05) entre as silagens dos diferentes híbridos de milho. A silagem do híbrido DKB-344 apresentou menores teores de FDN e FDA. As silagens dos híbridos DKB-215 e DKB-344 apresentaram maior digestibilidade (DFDN e DIVMS) e conteúdo de energia (NDT). As silagens de todos os híbridos apresentaram adequado processo fermentativo, entretanto, na análise univariada o híbrido DKB-344 merece destaque por aliar maior produtividade e melhor qualidade, ao passo que na análise multivariada, o híbrido DKB-215 foi o mais indicado para a produção de silagem.


Palavras-chave


composição bromatológica, composição mineral, digestibilidade da FDN, NDT, produtividade, qualidade.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18512/1980-6477/rbms.v4n01p%25p